Como perder o medo de cobrar por seus serviços?

Nesse artigo vou te dar algumas dicas que vão te ajudar a perder esse medo de cobrar por seus serviços.

Se você sofre desse mal não se preocupe que não está sozinho nesse mundo. Um grande número de profissionais recém chegados ao mercado de trabalho ou que estão dando os primeiros passos em direção ao início de carreira, sofrem com esse mesmo problema.

Mas não se preocupa que hoje eu estou aqui para te ajudar a pensar melhor sobre esse assunto e quem sabe perder esse medo de uma vez por todas.

E nesse assunto eu posso falar com autoridade pois eu mesmo já tive muito medo de dizer quanto eu ia cobrar pelos meus serviços e ao longo dos anos acabei entendendo como isso funciona até chegar ao ponto de me livrar desse problema.

Muitos designers iniciantes têm esse medo de dar o seu preço e o cliente sumir e não fechar contrato, ou mesmo que ele acaba falando algo do tipo “nossa! Mas está muito caro!”.

Esse medo é algo normal, nessa fase a falta de experiência nos leva a ter dúvida sobre o valor que estamos cobrando e essa falta de segurança nos leva a ter esse receio.

A primeira coisa que você precisa entender, e que pode te ajudar a perder esse medo de cobrar pelo seu trabalho, é que o fato de seu cliente não aceitar fechar um projeto com você não significa que seu preço está errado.

Muitos prestadores de serviços fazem vários orçamentos que não são aceitos, veja através de sua própria experiência, quantas vezes você já pediu um orçamento para um determinado serviço e acabou não fechando negócio?

Pense nos motivos que o levaram a não contratar aquele serviço, esses mesmos motivos podem ser utilizados pelos seus clientes. Sendo assim não fique com receio de que seu orçamento seja rejeitado, tenha apenas a certeza de que cobrou o valor justo de acordo com suas necessidades e a dificuldade de execução do projeto.

E é justamente aqui que reside o outro problema que pode te levar ao medo de dizer o preço do seu serviço, ou seja, a falta de certeza se está cobrando o valor adequado e justo.

Algo que pode ajudar você a ter essa segurança na hora de cobrar é ter a certeza de que seu preço está dentro do que é esperado para um profissional com suas qualificações dentro do mercado a que você pertence.

Sendo assim, caso você ainda não saiba como cobrar pelos seus trabalhos, essa é a primeira coisa que você deve aprender antes de dizer a um cliente quanto você irá cobrar por um determinado serviço.

Concluindo

Não existe uma formula mágica para perder esse medo, no entanto acredito que essas duas coisas podem te ajudar, no mais eu posso te dizer para não ficar achando que sua vida depende daquele cliente.

Clientes vem e vão a todo momento, você precisa apenas ter a certeza de suas qualidades e valores, tendo isso você terá bem mais confiança na hora de dar seu preço.

Agora quero saber de você se ainda tem medo de dar o seu preço, caso não tenha compartilha com a gente como fez para mudar isso. Vou aguardar o seu comentário.

É isso aí eu vou ficando por aqui e espero te ver novamente no próximo post.

Grande abraço e até lá.

Compartilhe este artigo:

Guia de Estudos para Aprender Design por Conta Própria

Baixe o nosso guia e receba dicas e as novidades do Clube do Design no seu email:

Deixe uma resposta

Mais artigos pra você ler:
Como os designers podem se comunicar com não-designers

Como os designers podem se comunicar com não-designers

Pode ser difícil se comunicar com aqueles que não entendem de design. Nesse artigo você vai ver algumas dicas que…
5 erros de freelancer para evitar

5 erros de freelancer para evitar

Todos cometemos erros mas nesse artigo você vai poder ficar preparado para 5 que são bem comuns na carreira como…
7 hábitos de designers gráficos altamente eficazes

7 hábitos de designers gráficos altamente eficazes

Os hábitos tem o poder de moldar nosso comportamento e nesse artigo você vai ver 7 que estão presente na…
Os 5 tipos de pessoas que todos os criativos precisam em suas vidas

Os 5 tipos de pessoas que todos os criativos precisam em suas vidas

Todo criativo precisa de 5 tipos de pessoas em sua vida e nesse artigo você vai saber quem são e…
Fechar Menu