Cor #8 – Ilusões de ótica

Ainda não sabemos muito bem por quê, mas por algum motivo conseguimos enxergar cores mesmo em imagens em preto e branco. As ilusões de ótica fornecem alguns insights fascinantes sobre a maneira como percebemos e interpretamos as cores.

O termo ilusão é problemático, já que tem implicações pejorativas. Os nossos olhos estão mesmo sendo enganados ou o que vemos nessas ilusões é de fato um tipo de realidade? Quem pode dizer que uma ilusão de ótica é menos real do que qualquer outra coisa que vemos?

Vamos começar com o Disco de Benham. É um disco de cor preta e branca que, girando sobre si mesmo, cria a ilusão de cores. Foi criado pela primeira vez em 1894 pelo fabricante de brinquedos Charles Benham. Observe o vídeo abaixo e me diga se consegue enxergar alguma cor enquanto o disco gira rapidamente:

Além deste exemplo, temos também o Efeito McCollough, no qual a exposição de duas cores primárias diferentes, alternadas respectivamente com faixas pretas horizontais e verticais, faz o espectador ver falsas cores em faixas em brando e preto com a mesma orientação.

Você pode conhecer mais sobre esta ilusão e tentar recriá-la no vídeo abaixo. Confesso que eu não consegui ver o efeito acontecer, talvez seja por que eu já vi uma dezena de outras ilusões enquanto pesquisava para este texto.

Certos tipos de ilusão de ótica mostraram-se particularmente significativos em nossa compreensão de como a cor funciona em composições artísticas. Entre as primeiras a serem exploradas, estavam os efeitos de colocação de diferentes cores lado a lado.

Leonardo da Vinci que já identificara o branco, o preto, o vermelho, o verde, o azul e o amarelo como cores primárias, notou que certas cores se intensificavam mutuamente. Ele se referia a elas como cores contrárias. Hoje nós as conhecemos como cores complementares ou complementos. As cores complementares produzem uma cor neutra quando são misturadas.

O químico francês Michel Chevreul investigou mais detalhadamente as possibilidades desse efeito. Ele examinou outra ilusão de ótica, a pós-imagem. Se você observar uma superfície de cor forte alguns segundos e depois desviar o olhar, verá um bloco de cor diferente.

É uma pós-imagem negativa, e sua cor será o complemento da cor para a qual você estava olhando. O efeito é chamado contraste sucessivo. Contudo, ainda que menos dramaticamente, a pós-imagem surge sempre que olhamos para cores, e ela afeta a aparência dos campos cromáticos quando justapostos.

Façamos um teste: Posicione-se um pouco mais próximo de seu monitor e olhe fixamente para o meio da imagem abaixo. Conte devagar até 30 enquanto a observa. Em seguida, olhe para uma superfície branca e pisque os olhos várias vezes rapidamente.

Se o teste funcionou como deveria, você conseguira ver no momento em que estiver piscando as cores complementares de cada uma das cores acima. Amarelo, verde e azul, respectivamente.

Nosso sistema visual parece esperar o complemento de qualquer cor que enxergamos. Se o complemento estiver presente, a combinação parece especialmente vibrante, se ausente, nós mesmos o produzimos.

Encare o ponto preto no meio da imagem até que ela mude. O resultado é colorido ou preto e branco?

Sabemos que este efeito é causado por interações inibidoras em células no córtex visual do cérebro, que trabalham com base em princípios similares ao Processo de Oposição de Hering. Essa descoberta é a base do contraste simultâneo, um importante principio no uso das cores na arte e no design.

Este texto faz parte da nossa Série Sobre Cores. Clique no link e veja todos os artigos.

Compartilhe este artigo:

Deixe uma resposta

Mais artigos pra você ler:
Como criar um lettering em 8 passos

Como criar um lettering em 8 passos

Que tal aprender mais uma técnica para o desenho de lettering? Nesse vídeo eu vou te ensinar como desenvolver um…
Quais os materiais básicos para começar a praticar caligrafia?

Quais os materiais básicos para começar a praticar caligrafia?

Para quem está começando a estudar caligrafia uma das primeiras dúvidas que surgem é “que materiais eu devo utilizar para…
Breve história da fotografia - Review

Breve história da fotografia - Review

Assim como qualquer outro campo profissional, é importante que você conheça um pouco da história da área em que você…
5 dicas rápidas para você aplicar em seu portfólio digital hoje mesmo

5 dicas rápidas para você aplicar em seu portfólio digital hoje mesmo

Um bom portfólio digital de design deve ser construído de forma estratégica para atrair a atenção do seu futuro cliente,…
Fechar Menu