Top 10 – Marcas grandes que levam o nome de seu fundador

Você sabe o que são marcas com nomes patronímicos?

Patronímico é um termo que se refere a nomes de marcas que são baseados em nomes de pessoas, pode ser o nome do seu fundador, do seu inventor ou mesmo do dono da patente.

A escolha de nomes patronímicos foi algo bastante empregado durante o século XIX e início do século XX. De acordo com a designer e consultora de marca Alina Wheeler essa classificação de nome é de fácil registro na maioria dos casos porém exige um maior esforço no processo de comunicação por não descrever diretamente a natureza do negócio.

Outro ponto importante de se destacar é que a escolha desse tipo de nome é intrinsecamente ligado a uma família ou pessoa e essa relação pode transferir tanto aspectos positivos quanto negativos de personalidade.

Essa abordagem de naming ainda é bastante utilizada atualmente, principalmente na prática do licenciamento de nomes de personalidades do esporte e do entretenimento, bons exemplos de marcas patronímicas usadas em licenciamento são a marca do jogador de basquete norte-americano, Maichael Jordan, e da apresentadora de TV Xuxa Meneghel.

Marcas Jordan e Xuxa

Aprenda mais sobre naming (criação de nomes para marcas)

Antes de partirmos para a nossa lista eu gostaria de informar que a pesquisa desse artigo utilizou uma fonte importantíssimas, que foi o livro Naming – O Nome da Marca do autor Delano Rodrigues e que é uma publicação da Editora 2AB que é parceira do blog Design Zero Um e que gentilmente nos enviou um exemplar do livro para que a pesquisa pudesse ser feita, fica aqui meu sincero agradecimento.

Naming - O Nome da Marca_Capa

Também indico o livro como uma das melhores opções em português sobre o tema naming e uma leitura obrigatória para quem trabalha ou deseja trabalhar com a criação de marcas.

Saiba mais obre o livro Naming – O Nome da Marca

Agora sim, abaixo você vai conferir uma lista com 10 marcas grandes que receberam o nome de seu fundador ou de seus fundadores, lembrando que não há uma ordem de acordo com a qualidade, valor da marca ou coisa do tipo, confere aí:

1 – Colgate

  • Fundador: William Colgate
  • Ano em que foi fundada: 1804

William Colgate era um jovem imigrante inglês que possuía um pequeno negócio com sabonetes gomas e velas na cidade de Nova Iorque, foi ele o principal responsável pela fundação dessa que é uma das mais fortes marcas no segmento de higiene bucal.

2 – Kellogg’s

  • Fundador: John Harvey Kellogg
  • Ano em que foi fundada: 1836

John Harvey Kellogg era um psiquiatra que juntamente com seu irmão Will Keith desenvolveram uma mistura com fubá de milho, aveia e trigo e que depois de muitos processos se tornou o cereal que está presente na mesa de milhares de pessoas pelo mundo todo.

3 – Procter & Gamble

  • Fundador: William Procter e James Gamble
  • Ano em que foi fundada: 1837

William Procter e James Gamble tiveram que sobrepujar uma tempestade econômica para fundar a empresa americana Procter e Gamble que hoje é uma empresa global e responsável por algumas das marcas que estão constantemente presentes nos lares das famílias modernas.

4 – C&A

  • Fundador: Os irmãos Clemens e August Brenninkmeyer
  • Ano em que foi fundada: 1841

Os irmãos Clemens e August Brenniskmeyer pertenciam a uma família de comerciantes de linho e produtos têxteis no século XVII. Os irmão são os responsáveis pela fundação da C&A, que se tornou uma das primeiras lojas do mundo a oferecer roupas prontas em diferentes tamanhos e com preço acessível.

5 – Siemens

  • Fundador: Werner Von Siemens
  • Ano em que foi fundada: 1847

Werner Von Siemens era um jovem engenheiro e inventor, foi ele um dos fundadores da Siemens, uma empresa mundial que procura agregar o mais elevado nível de valor aos seus consumidores através de produtos eletrônicos, eletrodomésticos, sistemas de comunicação e geração de energia.

6 – Gillette

  • Fundador: King Camp Gillette
  • Ano em que foi fundada: 1901

King Camp Gillett enquanto se barbeava percebeu que para essa tarefa necessitava apenas da ponta da lâmilâmina, foi esse insight que o ajudou a desenvolver o chamado barbeador seguro, um sistema de barbear altamente durável e que utilizava lâminas descartáveis, e foram esses os primeiros passos que levaram à fundação da GILLETTE SAFETY RAZOR COMPANY.

7 – Disney

  • Fundador: Walt Disney
  • Ano em que foi fundada: 1920

Walter Elias Disney é o famoso artista que juntamente com seu irmão e um amigo fundaram o estúdio chamado Disney Brothers Cartoons Studios que dois anos mais tarde passaria a se chamar apenas Walt Disney Studios, responsável pela criação de diversas produções e produtos que levam o mundo da fantasia Não somente à crianças mas também à adultos de diversas gerações.

8 – Nestlé

  • Fundador: Henri Nestlé
  • Ano em que foi fundada: 1866

Henri Nestlé era um farmacêutico alemão cujo maior desejo era encontrar uma solução para o problema da desnutrição infantil. E foi guiado por esse objetivo que ele desenvolveu em 1866 um produto alimentício que batizou de Farinha Láctea Nestlé.

9 – Harley Davidson

  • Fundador: William Harley e Arthur Davidson
  • Ano em que foi fundada: 1901

William Harley e Arthur Davidson eram amigos e desenvolveram uma espécie de bicicleta reforçada e que seria inicialmente destinada à competições, porém o empenho foi tão grande que acabaram por desenvolver um dos melhores modelos de motocicleta que também acabou por gerar uma das mais fortes marcas do mundo.

10 – Ferrari

  • Fundador: Enzo Ferrari
  • Ano em que foi fundada: 1929

Enzo Ferrari desistiu de se dedicar a uma carreira como cantor de ópera para se dedicar à carreira de piloto de corrida, esse foi o início de uma trajetória que lhe levou a fundar a empresa com uma das marcas mais cultuadas no mundo todo e que costuma dizer que não vende carros e sim sonhos.

Concluindo

A escolha do nome de uma marca é algo que exige muito cuidado e atenção e todo aquele que trabalha com a criação de marcas ou que pretende trabalhar com o desenvolvimento de marcas precisa entender ao menos o básico sobre naming.

Lembre-se que o nome da marca faz parte de sua identidade, por isso eu espero que com esse artigo eu tenha ajudado vocês não somente a aprenderem como também a ter o desejo de saber mais sobre a construção de marcas especialmente no que se refere a naming.

Vou encerrando por aqui, não se esqueça que você pode acompanhar o meu trabalho através do meu perfil no Instagram e do meu portfólio no Behance.

Muito obrigado e até a próxima.

P.S: Agora o Design Zero Um tem uma newsletter, você pode receber as nossas atualizações e novos artigos simplesmente colocando seu e-mail no campo logo abaixo.



 

Compartilhe este artigo:

Este post tem 0 comentários

  1. Muito legal Rafa, parabéns pela reportagem!

    1. Valeu meu amigo! Obrigado pelo comentário. Grande abraço.

  2. Várias surpresas, principalmente Colgate e Gillette! :O
    Muito bom o post, Rafa. Parabéns!

    1. Fala aí Walter, valeu pelo comentário. Eu também me surpreendi com o nome de algumas marcas aí, fica o aprendizado. Grande abraço.

Deixe uma resposta

Mais artigos pra você ler:
Manual do mundo mostra como são feitos os cadernos

Manual do mundo mostra como são feitos os cadernos

O Manual do mundo, um canal dedicado em experimentos e curiosidades publicou um vídeo mostrando como são feitos os cadernos.…
Como criar um lettering em 7 passos utilizando a caneta Tombow

Como criar um lettering em 7 passos utilizando a caneta Tombow

Você com certeza sabe que um trabalho com lettering pode enriquecer bastante o resultado final de seus projetos. Foi pensado…
Como apresentar um projeto em seu portfólio de forma prática

Como apresentar um projeto em seu portfólio de forma prática

Se você pretende trabalhar com Lettering e Caligrafia, ou mesmo com design em geral, é fundamental que saiba como apresentar…
O que é Lettering?

O que é Lettering?

Você com certeza já deve ter se perguntado “o que é lettering?” e “qual é a diferença entre tipografia, caligrafia…
Fechar Menu