Diário de um freelancer: O freelancer e o trabalho em casa

Olá pessoal, vocês já conhecem o meu ebook, o Diário de um freelancer? Se não, eu já explico: O Diário de um freelancer é uma publicação semanal em forma de ebook compartilhada através do apoia.se do Clube do Design. Um espaço dedicado à pessoas que querem contribuir com o trabalho do Clube.

No endereço http://apoia.se/clubedodesign você pode escolher contribuir com R$ 5,00 ou mais, e ajudar o Clube do Design a continuar firme, forte, e gratuito. Em troca, além de todo o universo de conteúdos do Clube do Design, você garante o seu acesso ao ebook.

Toda semana são publicados novos capítulos, e você pode baixar diretamente do mural para apoiadores, sem restrições. O livro traz dicas sobre carreira freelancer, e aborda a temática de uma visão pessoal, trazendo a minha experiência como arte-finalista e produtor gráfico freelancer.

Nos primeiros capítulos falamos sobre a jornada de carreira que envolve ser assalariado, as decisões que forçam a pensar em assumir a carreira freelancer, e os primeiros passos que deve-se dar para garantir sucesso como profissional independente.

Hoje saiu mais um capítulo, onde eu falo sobre as vantagens e dificuldades de se trabalhar em casa, assumindo o homeoffice como espaço de trabalho diário. Se você ainda não é um apoiador, considere visitar o http://apoia.se/clubedodesign e apoiar esta causa!

Além do Diário de um freelancer, o nosso próximo ebook (ainda sem título) vai trazer dicas quentes e precisas de como você pode criar projetos de logotipo, desde o atendimento ao cliente, emails, contrato, a concepção da ideia e a construção do manual de identidade visual.

Visite apoia.se/clubedodesign e ajude esta causa. Te espero na semana que vem, já com um novo capítulo do Diário de um freelancer!

Compartilhe este artigo:

Guia de Estudos para Aprender Design por Conta Própria

Baixe o nosso guia e receba dicas e as novidades do Clube do Design no seu email:

Este post tem 2 comentários

  1. Boa Noite!
    Lendo alguns post no site tive uma dúvida e gostaria de saber qual a opinião de vocês!
    Depois de trabalhar algum tempo de freelance, resolvi voltar ao trabalho de carteira assinada com sálario e tudo mais. (Suposição).
    Durante o tempo de free, criei uns projetos, como sites, grupos de estudos, canal no youtube entre outras coisas. Vocês acham que os projetos que criei deve ser mencionados no meu currículo? Ou seria mais interessante manter isso anonimo e ser citado apenas se pedirem que eu apresente um portifólio?

    Obrigado pela atençã0

    Jonatan Procópio
    Web Designer

    1. Oi Jonatan, isso depende. Se as experiências com estes projetos forem relevantes para o cargo que você está concorrendo, deve incluir sim.
      Um abraço!

Deixe uma resposta

Mais artigos pra você ler:
Como organizar seu desktop?

Como organizar seu desktop?

Você já viu uma tela de computador lotada de atalhos e arquivos formando uma verdadeira bagunça visual que não dá…
O MMA no design

O MMA no design

Um dos assuntos mais comentados hoje em dia em todas as mídias, com certeza é o MMA (mixed martial arts)…
Como um freelancer pode organizar as finanças pessoais?

Como um freelancer pode organizar as finanças pessoais?

Dicas que vão te ajudar a organizar seus recursos e evitar os riscos da instabilidade financeira.
Será que todo designer precisa de uma marca gráfica?

Será que todo designer precisa de uma marca gráfica?

Nesse artigo gostaria de falar sobre um post que li certa vez e que me deparei com essa questão. Depois…
Fechar Menu